Novembro Azul em São José do Mantimento..

Novembro Azul alerta para diagnóstico precoce do câncer de próstata.

No Brasil, câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, atrás do câncer de pele. Na quinta, dia 7, para alertar os homens sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata, a Secretaria Municipal de Saúde promoveu uma palestra com Dr. Fábio Costa Júnior urologista, membro da sociedade brasileira de urologia, que passou aos homens sobre a necessidade de se submeter a exames preventivos e a porcentagem de cura no início do diagnóstico.

O instituto considera câncer de próstata uma doença da terceira idade, porque cerca de três quartos dos casos no mundo surgem a partir dos 65 anos. A próstata é uma glândula presente nos homens, localizada abaixo da bexiga e à frente do reto. O câncer pode ser descoberto inicialmente no exame clínico, um toque retal, exame que enfrenta a resistência de muitos homens, combinado com o resultado de um exame no sangue. Se detectado o tumor, só a biópsia é capaz de confirmar a presença de um câncer. Segundo a SBU, quando descoberto no início, 90% dos casos de câncer de próstata são curáveis. As pessoas que têm casos de câncer de próstata na família, obesas, e negras têm mais risco de desenvolver a doença. Segundo o Inca, no Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, atrás do câncer de pele.

A fase inicial, o câncer da próstata não costuma apresentar sintomas. Quando surgem são parecidos com os do crescimento benigno da próstata: dificuldade de urinar e necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite. Na fase avançada, a doença pode provocar dor nos ossos, problemas para urinar e, quando mais grave, infecção generalizada ou insuficiência renal.

O tratamento vai depender do estágio da doença, e pode ser feito com cirurgia, radioterapia, tratamento hormonal e algumas vezes apenas observação médica.

Publicado em 11 de Novembro de 2013.
Wenderson A. Vasconcellos